segunda-feira, 11 de outubro de 2010

Paralelo Universo²


A postagem de hoje me deixa muito feliz. São dois textos de um cara que, a cada dia se aproxima mais e nos tornamos mais amigos. Mais uma boa surpresa da blogsfera. Um cara talentoso, artista, com belas obras e lindos poemas. Sua página, agora mais iluminada que nunca, traz suas poesias e painéis entre quadros de outros artistas.
São dois textos porque demorei a encontrar a poesia a ser feita, mas quando achei uma, a outra também gritou. hehe Deixo os textos muito livres pra falar comigo, sabe?, e como falaram juntos, quis publicá-los juntos.
Aproveitem, e quem ainda não conhece vá ao Universo Paralelo em Versos e conheça o meu amigo Nelson Aharon.

Beijos.

22 comentários:

Angelo Augusto Paula do Nascimento disse...

Não vou negar que sua voz faz toda a diferença. Ela "empurra" o que já é bonito ouvido adentro.
Abração

Universo Paralelo em Versos disse...

Você me surpreendeu....vou ter que ouvir várias vezes para absorver tudo, pois perdido fiquei ao ouvir....PERFEITO - LINDO- E UMA HOMENAGEM DAS MAIS SUBLIMES. UM PRESENTE *GRANDE* ganhou o poema 5***** você recitando..... OBRIGADO SAULO POR COLOCAR TEU TALENTO NO MEU POEMINHA.... FICO SEM PALAVRAS FUGIRAM TODAS....BAH VOU OUVIR MUITAS VEZES NÃO TENS NOÇÃO DO QUANTO QUE EU GOSTEI.....

Universo Paralelo em Versos disse...

Sobre a arte em mim- na sua voz virou uma prece, a prece mais sagrada que eu já tive a oportunidade de ouvir, escrevi com todo o coração este texto é algo da maior importância para mim cada palavra foi garimpada ao longo dos anos cada palavra tem um uma profundidade e significado imenso em minha vida, eu fiz uma relação das palavras mais importantes na minha vida e agora estão no ar pela pessoa que mais admiro, teu trabalho fica além da palavras declamas com uma magia que transcende a razão para mim fica uma enorme emoção.
Obrigado Saulo.
Minha alma de joelhos agradece.

Michele P. disse...

O processo de criação.
Lindo! Dá-nos a impressão de que se trava a batalha à qual Drummond se referia: "Lutar com as palavras é a luta mais vã. Enquanto lutamos
mal rompe a manhã."

Luna Sanchez disse...

=)

Os anéis de Saturno sempre me atraíram, me apetece a ideia de segurança, proteção, o enlace dos anéis.

Saturno é o meu planeta.

* Meu dia ficou mais bonito agora que passei por aqui, Saulo. Obrigada, gosto muito de te ouvir!

Beijo, ótimo feriado!

ℓυηα

Paulo Francisco disse...

Saulo, os textos, as imagens, o blog do Aharon como um todo é muito legal,é muito rico. A voz no poema acrescenta, mais ainda, o sentido do(s) texto(s). Parabéns!!!!

Valdeir Almeida disse...

Saulo,

Não tem jeito "as palavras voltam mais vivas" na sua voz.

Abração e ótima semana.

António Rosa disse...

Saulo

Também admiro muito o Nelson, e a tua voz dá um entorno especial às palavras escritas. Imagino a emoção do Nelson, ao ouvir-te. Parabéns a ambos.

Elaine Castro. disse...

Olá,
Parebéns pela indicação, mas quero parabenizá-lo especialmente pelo seu blog em si. Gostei muito da sua forma despojada e despretenciosa de escrever.
Seguindo-o.
Abraços.

Maria Rita disse...

Fecho os olhos e sinto cada som, cada pulsar destas letras tão cheias de sensível singularidade.
Parabéns aos dois!

Beijos

Joyce Kelly disse...

Visitei o cantinho do Aharon e vi a beleza de seus textos, da escolha das imagens, tudo em perfeita harmonia, e você, como sempre, tornando tudo ainda mais encantador.
Parabéns pelas escolhas dos textos.

Beijos.

p.s. Ganhei alguns selos. Fique à vontade para trazê-los com você. Será um prazer compartilhá-los com você.

Athila Goyaz disse...

Bom eu não sei quem batalhou com quem, só sei que desceu tudo de uma vez, límpido e claro. Recado passado.
Abraços!

carmen silvia presotto disse...

Sobre a Arte, anéis poéticos, elos de amor infinitos, arte em fonte, versos a mais versos.

Um beijo grande Saulo, que grande poema, parabéns a ti e a Nelson.

Carinho, beijo, beijos.

Augusto Barros disse...

Gostei!
E gostei do blog dele também.
Abraço!

Sandra Botelho disse...

Lindas ...
Vou visitar o blogue.
Bjos achocolatados

Obrigado pelo texto.
Não imagina como foi de ajuda.
Bjos

Pérola Anjos disse...

Escrever liberta, abre caminhos, torna os lugares imaginários tão reais quanto os que recordamos, os que já caminhamos, os que ainda vamos passar...

Belíssima a poesia do Nelson! Na tua voz ela parece que ganha sapatilhas de bailarina e dá piruetas sobre os anéis da pista de dança de saturno.

Beijo doce!

TH disse...

Adoro gentilezas entre colegas da blogsfera. Sem competições (infelizmente existe muito), ou rivalidades...adoro indicar amigos e fazer novos contatos tambem

Parabens pela gentileza!

Ira Buscacio disse...

Saulo, lindão, que coisa mais chata, mas tenho que ser repetitiva.
Vc faz do que é bom, um bom (dom) melhor ainda.

Passa lá em casa!

Bjocassssssss

Marcio Nicolau disse...

Agora entendo a emoção do Nelson ao te ouvir! É simples: as leituras estão im-pe-cá-veis e eu mesmo, hoje ao te ouvir, experimentei uma emoção bastante particular. Acho que se deu um progresso extraordinário desde os primeiros registros de áudio aqui. E os textos, hoje, caminham mesmo paralelos e potencializam universos ricos de sensações. Mérito do poeta e mérito teu que, maestro, com tua batuta rege uma orquestra de sentidos vários. Parabéns.

Gol de placa, Saulo. Tenho orgulho de você.

Saulo Taveira disse...

Um prazer sem igual gravar textos do Nelson, com respostas sempre positivas e animadoras.

Obrigado a todos que vieram, que sempre voltam... e voltem, são muito bem vindos.

Beijos.

Lua Nova disse...

Fantásticos... ambos... e pra te ser sincera, os textos que já são bons, ganham uma dimensão quase sublime. Sem contar que a tua voz está firme, madura, um grave sensual e que vai pra dentro dos sentidos feito emoção líquida escorrendo na alma. Uiiii!!! Que linnnnnnndosss!!!! É apaixonante te ouvir.
Parabéns, bb, parabéns mesmo.
Beijokas.

Cristiane disse...

Que fantástico poema. E na sua voz...ganha uma dimensão ímpar. Com certeza, ouvirei novamente. Bjs de luz. :D